O Mundo de Erys

Olá, pessoal! Que a Luz ilumine vosso caminho!

Estou aqui para dizer que eu escrevi um artigo para o site do Clube de Autores de Fantasia (CAF) falando sobre o universo de Erys. Nós do CAF estamos com um projeto de ajudar a divulgar as obras dos autores nacionais e, dentre outras coisas, criamos uma coluna no site chamada [Mundos] cuja proposta é que os autores expliquem mais sobre os mundos de suas obras. Já tivemos o Igor Feijó falando sobre o seu universo.

Agora chegou a minha vez. Eu faço um resumo da história de Erys, que é dividida em quatro grandes eras: Alvorada dos Tempos, Era dos Herois, Eras dos Clãs e Era dos Homens. Também falo um pouco a Geografia de Erys. Não tem mapas ainda, mas vou desenhar alguns em breve. Por fim, eu explico o sistema de magia e comento sobre os principais personagens. Vejam lá, espero que gostem.

0e8f81_38fef517a60a438298f7d7f28dc80843.png_srz_p_445_266_75_22_0.50_1.20_0.00_png_srz

Anúncios

História de Erys: Murikay, a Guerreira de Fogo

Olá, pessoal! Que a Luz seja nosso guia em nossa jornada.

No post de hoje vamos falar um pouco mais da história\mitologia de Erys. O assunto é o clã da Fênix, mais especificamente a sua matriarca, Princesa Murikay. Segundo a antiga lenda, Murikay é filha de uma ninfa com o deus do fogo. Foi uma poderosa guerreira e conquistou e unificou as pequenas tribos que habitavam as Terras do Fogo, ao oeste do continente Niith.

Sua beleza era hipnotizante: tinha longas tranças ruivas e olhos como dois cristais azuis, as principais características do fenótipo do povo do clã da Fênix. E seu poder ny era terrivelmente forte. Ela viveu no início da Era dos Clãs, e os nyflyns daquela época era potencialmente mais poderosos que os da atualidade, em parte por que a magia enfraqueceu depois do Crepúsculo dos Deuses, mas isso é outra história.

Murikay, assim como a maioria dos nyflyns do clã da Fênix, era manipuladora de fogo. Não somente isso, ela conseguia criar uma ligação psíquica com o fogo, como se ela e as chamas fossem uma coisa só. Suas skivs “Círculo dos Sete Fogos” e “Aurora Escarlate” eram as duas skivs tipo fogo mais poderosas entre todos os guerreiros da época. A primeira prendia o alvo dentro de uma armadilha elemental\ilusionista. Se não obedecesse ao comando da conjuradora, o alvo morria queimado, de sete maneiras diferentes. As chamas podiam ser tanto reais quanto chamas imaginárias, estas últimas queimavam de dentro para fora. Já a segunda conjurava uma chuva de ‘meteoros’ (bolas de fogo) que queimavam até mesmo o ar.

A Guerreira do Fogo, como era conhecida, voava pelos céus de Erys montada em sua Fênix de ‘estimação’ e encantava a todos que viam a cena. Hoje isso não é mais possível pois todas as fênix foram extintas há uns mil anos.

Murikay foi uma princesa querida por todos e seu governo foi próspero e rico, até que iniciou-se a primeira de muitas guerras com o clã da Lua. Murikay foi morta por Jyrah, o neto do primeiro patriarca do clã da Lua, numa batalha épica que destruiu uma floresta inteira, tornando o solo infértil por dezenas de anos. Apesar de seu enorme poder e da ajuda de sua fênix, ela não foi párea para demoníaca skiv ‘Memória Milenar’ de Jyrah e seu fim foi terrível.

E aí, o que acharam da Murikay?

phoenix-flame

Murikay, a Guerreira de Fogo

O clã da Espada e a Guerra dos Sete Anos

Olá pessoal! Que a Luz ilumine nossa jornada!

Hoje vamos falar um pouco mais de um dos mais interessantes Clãs de Erys: O clã das Espadas.

Como foi mencionado no Capítulo IV, existem doze clãs governando grande parte de Erys. São eles: Torre, Fênix, Dragão Marinho, Espadas, Lua, Anjo (esses são os Sete Clãs Iniciais), Ninfa, Harpa, Dragão Alado, Árvore e Harpia. Cada um deles têm suas particularidades. Hoje vamos conhecer um pouco mais sobre o clã das Espadas. Continuar lendo